texto alternativo da imagem

OS RATOS E AS ALTURAS

Os ratos não resistem a alturas…

Logo após uma das guerras do passado, um piloto foi fazer um teste num monomotor. Era um frágil avião que havia restado inteiro da guerra, porém ainda tinha condições de voar.
Quando levantou vôo para a arrojada aventura, ouviu um estranho ruído que vinha da parte de baixo do seu assento e ai percebeu que tinha companhia: estava à bordo do seu avião um rato que estava roendo uma das mangueiras que dava sustentação ao avião para que permanecesse nas alturas.
O que o piloto poderia fazer? Ele poderia voltar para a base de onde partiu e se livrar do
incômodo e perigoso passageiro, porém isso iria gerar um custo a mais. Então se lembrou de que os ratos não resistem a grandes alturas. Foi o que fez, voando cada vez mais alto, pouco a pouco os ruídos, que colocavam em risco a sua aventura, acabaram.
Os problemas devem ser encarados como oportunidades de crescimento, pois depois que passa a tempestade, saímos muito mais fortalecidos e nas oposições e adversidades o grande segredo é não diminuir as ações e sim subir mais alto ainda, transpondo os obstáculos.
Quando alguém vier com alguma mesquinharia ou críticas destrutivas, voe mais alto.
Quando alguém vier com invejas e fofocas, voe mais alto.
Os ratos não resistem às alturas e pessoas com espírito pequeno, que vivem cometendo injustiças e inveja de tudo e a todos, são pessoas sem brilho próprio e agem como ratos e como ratos não suportam as alturas, dedicam-se a derrubar e impedir o sucesso alheio.
Por isso voe cada vez mais alto e nem olhe para baixo.
Um ser humano é grande, não pela sua estatura, mas sim pela extensão de sua alma.

Siga-nos no Facebook

Be the first to comment

Leave a comment

Your email address will not be published.


*